8 de outubro de 2015

Cerca de 100 mil motoristas podem ter CNH retida na Bahia

Cerca de 100 mil condutores na Bahia podem ter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) retida por cometer infrações gravíssimas ou acumular 20 pontos na CNH. De acordo com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-BA), esses motoristas respondem a 141.024 processos de suspensão do direito de dirigir. Eles serão notificados da situação a partir desta terça-feira, 13, por meio de correspondências enviadas para suas residências.

A partir da notificação, os condutores deverão procurar uma unidade do Detran para entregar a CNH e realizar um curso de reciclagem. Enquanto isso, eles ficam impedidos de dirigir. O tempo de suspensão varia entre um mês e um ano. Antes de entregar a carteira, o motorista também pode optar por entrar com uma ação na Junta Administrativa de Recursos de Infrações (Jari). Neste caso, o prazo para dar entrada no recurso é de 30 dias.

Dos 141.024 processos, 93.210 foram abertos por conta do acúmulo de pontos na carteira e 47.814 em decorrência de infrações gravíssimas, como beber e dirigir, dirigir moto sem capacete, omitir socorro à vítima e disputar racha. Após ser notificado, se o motorista for flagrado dirigindo dentro do período de suspensão, poderá ter a CNH cassada.