13 de agosto de 2015

Agricultura familiar na Bahia tem investimento recorde

Lançamento do Plano Safra em Salvador
Foto: Albino Oliveira/MDA
O governo federal vai destinar R$ 1,4 bilhão em crédito rural, com juros abaixo da inflação, para a agricultura familiar baiana na safra 2015/2016. O valor é 55% maior do que o contratado na safra passada (R$ 900 milhões). O anúncio foi feito, nesta quinta-feira (13), pelo ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, em Salvador (BA). A Bahia é o estado brasileiro que tem o maior número de agricultores familiares.

O recurso consta no Plano Safra da Agricultura Familiar 2015/2016, que oferece R$ 28,9 bilhões para agricultores familiares de todo o País. É o maior volume da história. O coordenador da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadores na Agricultura Familiar (Fetraf/BA), Rosival Leite da Silva, comentou a ampliação do acesso ao PAA. “Me alegrou muito saber que as oportunidades para comercialização pelos mercados institucionais são crescentes para os agricultores familiares”.

Entre as novidades do Plano Safra da Agricultura Familiar 2015/2016, o novo Seguro da agricultura Familiar (Seaf) - além do financiamento, vai cobrir até 80% da receita esperada e a ampliação do mercado de compras institucionais, por meio da compra de 30% de alimentos da agricultura familiar pela administração federal.