12 de janeiro de 2015

Donos de supermercados criam rede associativista na região de Bonfim

Unidos por um interesse em comum, aproximadamente 15 empresários de supermercados da região de Senhor do Bonfim decidiram buscar o desenvolvimento do setor de forma coletiva. Com este objetivo, será lançada nesta terça-feira (13), no Ponto de Apoio do Sebrae na cidade, a primeira rede associativista do segmento. Com a novidade, o grupo visa novos negócios e, principalmente, conquistar poder de barganha com fornecedores, através de compras em conjunto.

O empresário Carlos Gilberto de Oliveira, proprietário de um mercado no município de Jaguarari, que compõe a rede empresarial, acredita que fazer parte de um grupo com outros empreendedores dá ânimo para apostar em um projeto no qual todos serão beneficiados. Para ele, a união também é necessária para fortalecer a economia regional. “O pequeno precisa juntar para se tornar grande e consequentemente obter condições de competitividade no mercado”, defende. “Com as orientações e consultorias, aprendemos a observar os negócios de uma maneira mais aguçada. Já estamos colocando em prática os conhecimentos que tivemos através das capacitações”, conta.

Técnico da Unidade do Sebrae em Jacobina, Osório Rebouças lembra que, em 2013, um grupo de empresários participou, em Salvador, da Feira SuperBahia, evento promovido pela Associação Baiana de Supermercados. A partir desse momento, surgiu o interesse na criação de um grupo que fortalecesse os empreendimentos da região. “Durante o evento, os empresários fizeram contatos com empresas e pessoas com conhecimento na área, e logo depois iniciaram a peregrinação em busca por parceiros que pudessem contribuir com a ideia. Desta forma, eles começaram a realizar algumas reuniões com empresários de Senhor do Bonfim, Juazeiro e Petrolina, para a criação da Rede de Negócios”, ressaltou Osório.

Inicialmente, o grupo contará com a participação de empreendimentos dos municípios de Senhor do Bonfim, Jaguarari, Jacobina, Campo Formoso, Serrolândia, Casa Nova e Santa Maria da Boa Vista, entre outros. (Agência Sebrae de Notícias Bahia)