4 de setembro de 2014

Dilma avança no Ibope e Marina para de crescer no Datafolha

Pesquisas do Ibope e Datafolha divulgadas na noite desta última quarta-feira (03) mostram reação da presidente Dilma Rousseff (PT) e um indicativo de possível estagnação da candidatura de Marina Silva (PSB). No Ibope, Dilma subiu de 34% para 37% das intenções de voto no primeiro turno. Já Marina obteve 33%, enquanto Aécio Neves (PSDB) caiu de 19% para 15%.
Já o Datafolha aponta que há um empate técnico, mas mostra uma oscilação positiva de Dilma, que chegou a 35%. A pesquisa indica ainda que a candidata Marina Silva estagnou em 34%, mesmo índice do levantamento anterior. Aécio variou de 15% para 14%. Chama a atenção o crescimento da aprovação do governo Dilma, segundo o Datafolha, de 34% para 36% de ótimo e bom. Já em relação à reprovação, a de Dilma caiu de 36% para 31%, enquanto que a de Marina cresceu de 10% para 12%, segundo o Ibope.

Segundo turno - As duas pesquisas também indicam uma queda da diferença entre Marina e Dilma no segundo turno. Nos dois levantamentos, ela foi reduzida para 7%, a favor da socialista.