17 de julho de 2014

Governador anuncia mais de 52 mil cisternas para famílias do semiárido

O governador Jaques Wagner assinou, na Governadoria, em Salvador, contratos para a construção de 40.447 cisternas de consumo e 11.816 estruturas hídricas, que vão beneficiar famílias da região do semiárido com água destinada para a produção e para o consumo. A iniciativa vai trazer mais saúde e conforto para a população da zona rural, incentivar a geração de empregos e aumentar a renda dos municípios beneficiados. As ações fazem parte dos programas estaduais para a redução da pobreza e das desigualdades regionais, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes).


Para o governador, esse é mais um ato importante nas ações de melhoria da vida do povo do sertão. "Somos o estado com o maior território no semiárido e estamos mudando a realidade dessas pessoas, porque temos esse compromisso com a luta dessa parcela da população”.

As obras fazem parte de três convênios firmados entre o Estado e o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), que têm o objetivo de universalizar a água. Nesse sentido, com os contratos, serão instaladas estruturas de água para produção em 159 cidades e para consumo em 82 municípios do interior. Para o secretário da Sedes, Cézar Lisboa, essas obras são fruto de uma parceria entre governo, sociedade civil e entidades representativas, com interesse de beneficiar a população de locais que não tinham acesso à uma fonte de água confiável. "Serão cerca de 180 mil pessoas beneficiadas, o que corresponde a 7,7% das famílias do semiárido, conseguindo alcançar pessoas que estão precisando".