11 de junho de 2014

Dilma e Wagner inauguram hoje o metrô de Salvador

Após uma espera de 14 anos, o metrô de Salvador será inaugurado nesta quarta-feira (11), com a presença da presidente Dilma Rousseff e do governador Jaques Wagner. A viagem inaugural do sistema metroviário irá percorrer o trajeto Acesso Norte - Campo da Pólvora - Acesso Norte. Depois que passou  para as mãos do Estado, após um ano, o metrô entrou nos trilhos e terá iniciada a operação.

Até o final de junho, em fase experimental, o funcionamento será de segunda a sexta-feira, das 12h às 16h, com entrada gratuita e com capacidade de passageiros limitada. A chamada "Operação Assistida" marca a inauguração da primeira etapa da linha 1, que passa pelas Estações da Lapa, Campo da Pólvora, Brotas e Acesso Norte. Esse período assistido irá até o dia 14 de setembro. Nos seis dias de jogos da Copa em Salvador, o metrô funcionará de maneira diferenciada. Cerca de dois mil torcedores chegarão à estação do Acesso Norte em ônibus previamente cadastrados. De lá, seguirão por trem para o Campo da Pólvora e, dali, a pé para a Fonte Nova.

Com o início da operação comercial, em setembro, a tarifa passará a ser cobrada. O valor fixado é de R$ 3,10, para quem vai utilizar somente o metrô. Para a integração com o ônibus, o custo será de R$ 3,90. Esse valor dá direito ao usuário pegar dois ônibus mais o metrô em um período de duas horas.

Com investimento total de R$ 3,6 bilhões do Governo Federal, Estadual e da concessionária CCR Metrô Bahia, a previsão é que todo o projeto do sistema metroviário fique pronto em abril de 2017. Nesta data, será entregue a Linha 2, que sai do Detran até o Aeroporto, passando pela Rodoviária, Pernambués, Imbuí, CAB, Pituaçu, Flamboyant e Mussurunga.