10 de outubro de 2013

Bahia derrota o Vitória e quebra tabu de dois anos

O ditado diz que, quem ri por último, ri melhor. Se ele for levado ao pé da letra, a torcida do Bahia ganhou, ao menos, um motivo para sorrir neste fim de 2013. No sexto Ba-Vi da temporada, o Tricolor, enfim, conseguiu o primeiro triunfo sobre o rival. Rafael Miranda e Fernandão, ambos no primeiro tempo, garantiram a festa tricolor em uma noite chuvosa e com mais de 30 mil pessoas na Arena Fonte Nova.


A vitória do Bahia não foi somente a primeira do ano marcado por duas goleadas sofridas: 5 a 1 e 7 a 3. O time de Cristóvão Borges conseguiu quebrar um tabu que já incomodava. Desde 1º de maio de 2011, o Bahia não conseguia derrotar o Vitória. Foram nove partidas de invencibilidade do Rubro-Negro. Na Fonte Nova, o jejum era ainda maior: 11 jogos sem que o Vitória perdesse.

Tabu quebrado e o fantasma do rebaixamento afastado. O Bahia chegou aos 36 pontos e se distanciou da turma do Z-4. De quebra, ainda freou a tentativa do rival. O Vitória, que precisava vencer para continuar na luta por uma vaga na Libertadores, estacionou nos 37 pontos. A chance do Rubro-Negro de voltar a pensar nas quatro primeiras colocações será no sábado. O Vitória recebe o Coritiba, às 18h30m (de Brasília), no Barradão. Já o Bahia vai ao Serra Dourada para enfrentar o Goiás, no domingo, 18h30m (de Brasília).