9 de julho de 2013

Programa para levar médicos ao interior terá investimento de R$ 3 bilhões

O programa do governo para atrair médicos no interior do país e nas periferias, que será lançado hoje, terá investimento previsto de R$ 3 bilhões até 2014. A presidente Dilma Rousseff voltou a defender a contratação de médicos estrangeiros e esclareceu que eles ocuparão as vagas que forem desprezadas pelos profissionais brasileiros.

O governo federal vai abrir cerca de 10 mil vagas para médicos para atuação exclusiva na atenção básica em periferias de grandes cidades, municípios de interior e no Norte e Nordeste do país. O salário deles deve ficar em torno de R$ 10 mil.

A contratação de médicos estrangeiros "para trabalhar nas zonas mais pobres do país é a resposta" que será dada "à falta desses profissionais nessas regiões", declarou a presidente em seu programa semanal de rádio. Dilma adiantou que, em primeiro lugar, os municípios serão consultados para se saber sobre a necessidade de profissionais. Em seguida, as vagas vão ser oferecidas a médicos brasileiros.